Mercado Financeiro

Bookbuilding: saiba tudo sobre a precificação de ativos

Bookbuilding: saiba tudo sobre a precificação de ativos

A precificação dos ativos financeiros está diretamente relacionada com as condições do mercado e principalmente com a oferta e procura. O bookbuilding é um processo utilizado pelas empresas para avaliar a demanda sobre títulos e valores mobiliários e ofertar por um preço justo. 

A metodologia de bookbuilding tem o objetivo orientar a empresa a respeito da procura pelos ativos e assim construir uma precificação adequada para seus papéis.

Dessa forma, é possível adequar os interesses dos investidores em conjunto com os valores da empresa a partir de uma avaliação de mercado. 

O cumprimento das etapas para, ao final, ofertar uma demanda de preços justos é essencial para o funcionamento do mercado financeiro. Mas afinal, como é feito o processo de precificação? Acompanhe esse artigo e entenda mais sobre o bookbuilding. 

O que é bookbuilding?

A princípio, a definição literal da palavra bookbuilding se traduz em ‘’construção do livro’’ e significa para o mercado financeiro montar um book de ofertas de ativos.

Ou seja, é um processo que ocorre para definir os preços de uma oferta pública de valores mobiliários realizado em conjunto com a empresa e investidores institucionais. 

O procedimento de análise e precificação geralmente é feito para ações, cotas de fundo de investimento e renda fixa como debêntures. O bookbuilding além de servir para definição dos preços, também indica a quantidade de ações que os investidores estão dispostos a comprar. 

Como o bookbuilding funciona?

O processo de bookbuilding funciona como uma pesquisa de mercado e tem como intuito determinar a quantia que deve ser anunciada e a quantidade que deve ser vendida. A empresa normalmente estabelece um preço máximo e mínimo na etapa de análise. 

Na prática, acontece da seguinte maneira, a empresa A decide abrir o capital e se cadastrar na bolsa de valores. O coordenador de investimentos estipula um valor inicial de R$15,00 e R$20,00 para as cotas. Em seguida, a empresa anuncia a oferta e pesquisa o interesse dos investidores. 

Após um tempo de análise, se o valor total determinado inicialmente pela empresa não for atingido, uma das saídas é diminuir o preço para atrair mais acionistas. Caso a demanda supere a oferta é feito o rateio em cima da quantidade de ações disponíveis, dessa forma, os investidores terão de comprar uma quantia menor. 

Bookbuilding e sua finalidade 

Resumidamente a oferta de ativos serve para analisar o interesse do mercado nos títulos de determinada empresa, Dessa forma, auxilia a instituição na faixa de preço e a quantia que será ofertada. 

Outra finalidade que é empregado esse procedimento é na fase de IPO, quando  determinado negócio está abrindo seu capital é preciso atrair investidores e gerar confiança. Considera-se arriscado a compra de ações na fase de IPO de uma empresa. Portanto um bookbuilding bem estabelecido pode acarretar em lucratividade. 

Etapas essenciais para precificar ativos 

Atualmente é possível realizar através de ferramentas e planilhas diretamente no site da B3, seguindo os seguintes processos: 

  • Estabelecimento do público de investidores institucionais que será ofertado 
  • Apresentação da oferta pública 
  • Consulta de interesse dos investidores 
  • Estabelecimento do preço máximo e mínimo
  • Busca pela intenção de compra, preço e quantidade dos potenciais investidores 
  • Lançamento do bookbuilding com preço justo para o mercado

Jacinto Neto
Jacinto Neto Analista CNPI e sócio do Funds Explorer
Formado em administração pública pela FGV-SP, mestre em Finanças e Controladoria pela FIPECAFI, analista CNPI e sócio do Funds Explorer. Possui experiência maior que 5 anos, trabalhando com estratégia de investimentos, planejamento e modelagem financeira, além de análise de fundos de investimento imobiliário.

Leia também