Mercado Financeiro

Letras de Tesouro: o que é e como investir?

Letras de Tesouro: o que é e como investir?

As Letras do Tesouro Nacional têm se tornado um investimento de renda fixa cada vez mais procurado pelos investidores que desejam um bom retorno a médio prazo.

Mas, mesmo com sua popularidade aumentando nos últimos anos, as Letras de Tesouro ainda geram algumas dúvidas.

Por isso, se você ainda não sabe muito bem o que é LTN, não se preocupe! Este artigo esclarecerá tudo o que você precisa saber sobre as Letras de Tesouro. Acompanhe!

O que é LTN?

LTN é um termo antigo mas que, ainda é muito utilizado para se referir às Letras de Tesouro Nacional. Sua nomenclatura foi alterada no ano de 2015, quando o investimento passou a ser denominado Tesouro Prefixado.

O LTN, além de ser seguro, rentável e considerado um ótimo investimento a curto e médio prazo, oferece diversos tipos diferentes de aplicações.

O Tesouro Prefixado, ou LTN, garante um retorno estável: você recebe a mesma taxa do início ao fim, independentemente de qualquer imprevisto que possa vir a acontecer no mercado.

Mesmo assim, além de ser indicado em momentos nos quais a economia está mais controlada, é interessante manter sua aplicação até a data de vencimento estabelecida. Assim, você garante 100% da rentabilidade do seu título.

Como funciona a aplicação em LTN?

As Letras de Tesouro não precisam de um investimento muito grande no início: existem aplicações a partir de R$30,00 para começar.

Além disso, não é necessário preencher muitos requisitos para começar a investir em LTN: basta possuir CPF e uma conta corrente em qualquer instituição financeira do país.

Um investidor pode comprar títulos pelo site ou através do Agente Custodiante. Além disso, também há a opção de permitir que o Agente Custodiante faça a compra dos títulos em seu nome.

Mas, atenção: após a confirmação da compra do título, não é possível cancelar. Escolha sempre com cuidado.

Principais tipos de Tesouro para investir

O LTN está entre os Tesouros mais procurados pelos investidores. Entretanto, este não é o único tipo! Confira abaixo os Tesouros mais procurados:

Tesouro prefixado (LTN)

Contando com todas as características citadas no tópico anterior, o LTN é um Tesouro indicado para os investidores que buscam começar com pouco dinheiro e atingir objetivos principalmente a longo prazo (3 a 6 anos).

Além disso, por se tratar de uma taxa fixa, o investidor tem sua rentabilidade previsível. 

O tesouro prefixado oferece maior risco ao investidor iniciante, dado que ele não está vinculado a algum indicador econômico, o que o torna exposto a potenciais volatilidades da economia e, por exemplo, aumento das taxas de juros.

Tesouro Selic (LFT)

Indicado para quem tem objetivos a curto prazo ou deseja iniciar uma reserva, o Tesouro Selic – também conhecido como LFT – é um investimento com rentabilidade pós-fixada e considerado o mais seguro do país.

O retorno do Tesouro Selic varia, pois acompanha a flutuação da taxa Selic durante o período da aplicação.

Tesouro IPCA+ (NTNB)

Indicado geralmente para investidores que buscam resultados a longo prazo e querem proteger seu patrimônio da inflação, o Tesouro IPCA+ (NTNB) é muito procurado por quem deseja iniciar um investimento que visa a aposentadoria.

Seu rendimento é pós-fixado e ligado à taxa IPCA. Além disso, esse tesouro tem juros semestrais. Ele pode ser mantido até a data de vencimento ou vendido por um valor superior ao da compra no caso de desvalorização da cotação.
Se o ajudamos a tirar suas dúvidas sobre as Letras de Tesouro, continue acompanhando nossos artigos e fique por dentro das principais novidades do mercado financeiro!

Jacinto Neto
Jacinto Neto
Analista CNPI e sócio do Funds Explorer
Formado em administração pública pela FGV-SP, mestre em Finanças e Controladoria pela FIPECAFI, analista CNPI e sócio do Funds Explorer. Possui experiência maior que 5 anos, trabalhando com estratégia de investimentos, planejamento e modelagem financeira, além de análise de fundos de investimento imobiliário.

Leia também