1 – Constituição, Objetivo e Início das Operações. O Opportunity Fundo de Investimento Imobiliário foi constituído em 28 de fevereiro de 1996, sob a forma de condomínio fechado, de acordo com o disposto na Lei n.º 8.668/93 e com a Instrução n.º205/94 da Comissão de Valores Mobiliários – CVM e iniciou suas operações em 6 de outubro de 1996. O Fundo tem por objetivo a aplicação de recursos em bens imóveis de natureza comercial, residencial e industrial, em terrenos e shopping centers, ou ainda, em direitos a eles relativos que tenham condições de rentabilizar o investimento feito pelos condôminos, seja pelo pagamento de remuneração, advinda da exploração de tais bens e direitos em conformidade com a legislação em vigor, seja pelo aumento do valor patrimonial das quotas, advindo da valorização dos bens e direitos ou da sua negociação no mercado.

Cotações do FTCE11B

Carregando...

Inf. Básicas do FTCE11B

  • Razão Social
    Razão Social OPPORTUNITY FDO INV IMOB
  • Data da Constituição
    Data da constituição do fundo 28 de Fevereiro de 1996
  • Cotas emitidas
    Cotas emitidas 17.500
  • Patrimônio Inicial
    Patrimônio Inicial R$ 17.500.000,00
  • Valor inicial da cota
    Valor inicial da cota R$ 1.000,00
  • Tipo de gestão
    Tipo de gestão N/A
  • Taxa de performance
    Taxa de performance N/A
  • Taxa de gestão
    Taxa de gestão N/A
  • CNPJ
    CNPJ 01.235.622/0001-61
  • Público-alvo
    Público-alvo N/A
  • Mandato
    Mandato N/A
  • Segmento
    Segmento N/A
  • Prazo de duração
    Prazo de duração N/A
  • Taxa de administração
    Taxa de administração N/A
  • Taxa de gerenciamento
    Taxa de gerenciamento N/A
  • Taxa de consultoria
    Taxa de consultoria N/A

Dados Gerais do FTCE11B

Objetivo e política do fundo

Conforme artigo 3º do Regulamento: A política de investimentos do Fundo consistirá na aplicação de recursos em bens imóveis de natureza comercial, residencial e industrial, em terrenos e shopping centers, ou ainda, em direitos a eles relativos, que tenham condições de rentabilizar o investimento feito pelo condômino, seja pelo pagamento de remuneração advinda da exploração de tais bens e direitos, em conformidade com a legislação em vigor, seja pelo aumento do valor patrimonial das cotas advindo da valorização dos bens e direitos ou da sua negociação no mercado. Parágrafo Primeiro A política de comercialização dos empreendimentos do Fundo consistirá na alienação, locação, arrendamento ou usufruto oneroso dos bens integrantes de sua carteira. Parágrafo Segundo A alienação dos bens integrantes da carteira do Fundo poderá se dar à vista ou a prazo. Parágrafo Terceiro A parcela do patrimônio do Fundo que não estiver aplicada em bens imóveis será investida, conforme os limites previstos na legislação aplicável, em (i) títulos de renda fixa, públicos ou privados; (ii) cotas de fundos de investimentos da classe referenciado, renda fixa e curto prazo; e (iii) outras modalidades de investimento permitidas pela legislação em vigor, à escolha do Administrador, observado o disposto no artigo 45 da ICVM 472. Parágrafo Quarto É vedada a realização pelo Fundo de operações com derivativos, salvo para fins de proteção patrimonial, cuja exposição seja sempre, no máximo, o valor do patrimônio líquido do Fundo.

Discussão do FTCE11B

Prédio em vetor Quer saber mais
Relatório gratuito
Veja tudo o que você precisa saber para tomar a melhor decisão.