FIGS11 – FII De Shoppings Gestão Passiva

FIGS11 é um fundo imobiliário do tipo tijolo. Seus investimentos tem como base principal, empreendimentos imobiliários físicos.

O segmento do FIGS11 é de shopping center e seu objetivo é a obtenção de renda, a partir da exploração imobiliária e ganho de capital, através da compra, venda, locação ou arrendamento desses ativos imobiliários.

O FII General Shopping Ativo e Renda é um fundo de investimento imobiliário do tipo ANBIMA renda gestão passiva de segmento shoppings. É constituído sob a forma de condomínio fechado, com prazo de duração indeterminado, sendo regido por seu regulamento e pelas disposições legais que lhe forem aplicáveis.

Características do fundo FIGS11

O Fundo Imobiliário General Shopping Ativo e Renda foi constituído em fevereiro de 2013 e tem por objeto adquirir e explorar, direta ou indiretamente, empreendimentos imobiliários comerciais do tipo Shopping Center, construídos ou em fase de construção ou expansão.

Os recursos serão aplicados pelo Administrador, conforme orientação do Gestor, observada sua política de investimento, primordialmente na aquisição de ativos imobiliários, de forma a proporcionar a seus cotistas uma remuneração para o investimento realizado.

O FIGS11 é destinado a investidores em geral, sejam pessoas físicas ou jurídicas, fundos de investimento, entidades abertas ou fechadas de previdência complementar, regimes próprios de previdência social, ou quaisquer outros veículos de investimento, domiciliados ou com sede no Brasil ou no exterior.

É administrado pela SOCOPA – Sociedade Corretora Paulista S.A.

As cotas do FII General Shopping Ativo e Renda são negociadas com o código (ticker) FIGS11 no mercado de bolsa da B3 - Brasil, Bolsa e Balcão.

Sua taxa de administração é de 0,20% ao ano sobre patrimônio líquido com mínimo de R$ 25.000,00 mensais corrigido pelo IGPM. Gestão: 0,05% ao ano sobre patrimônio líquido com mínimo de R$ 15.000,00 mensais corrigido pelo IGPM, este valor será deduzido da taxa de administração.

A política de distribuição de rendimentos do FIGS11 deve distribuir a seus cotistas, no mínimo, 95% dos resultados auferidos, apurados segundo o regime de caixa.

Os rendimentos auferidos serão distribuídos aos cotistas, mensalmente, sempre no 10º dia útil do mês subsequente ao recebimento dos recursos, a título de antecipação dos rendimentos do semestre a serem distribuídos.

FII General Shopping Ativo e Renda – FIGS11

As aplicações realizadas no fundo não contam com garantia do Administrador ou do Fundo Garantidor de Crédito, não podendo o administrador ser responsabilizado por eventuais depreciações dos ativos que compõem a carteira do fundo.

Portanto, é recomendado a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento do fundo de investimento pelo investidor ao aplicar seus recursos.

Para conferir outros dados e indicadores do FIGS11, continue navegando em nosso site. Temos todas as informações necessárias disponíveis aqui.

Cotações do FIGS11

Inf. Básicas do FIGS11

  • Razão Social
    Razão Social FDO INV IMOB GENERAL SHOPPING ATIVO E RENDA - FII
  • Data da Constituição
    Data da constituição do fundo 04 de Fevereiro de 2013
  • Cotas emitidas
    Cotas emitidas 2.591.500
  • Patrimônio Inicial
    Patrimônio Inicial R$ 259.150.000,00
  • Valor inicial da cota
    Valor inicial da cota R$ 100,00
  • Tipo de gestão
    Tipo de gestão Passiva
  • Taxa de performance
    Taxa de performance N/A
  • Taxa de gestão
    Taxa de gestão N/A
  • CNPJ
    CNPJ 17.590.518/0001-25
  • Público-alvo
    Público-alvo Investidores em Geral
  • Mandato
    Mandato Desenvolvimento para Venda
  • Segmento
    Segmento Shoppings
  • Prazo de duração
    Prazo de duração Indeterminado
  • Taxa de administração
    Taxa de administração 0,20% a.a. incidente sobre o PL do Fundo (mínimo mensal de R$ 25.000)
  • Taxa de gerenciamento
    Taxa de gerenciamento N/A
  • Taxa de consultoria
    Taxa de consultoria N/A

Dados Gerais do FIGS11

Objetivo e política do fundo

OBJETO DO FUNDO O Fundo tem por objeto adquirir e explorar, direta ou indiretamente empreendimentos imobiliários comerciais do tipo Shopping Center, construídos ou em fase de construção e/ou expansão, desde que desenvolvidos e/ou administrados pela GSB, para posterior alienação, locação ou arrendamento, sendo que o objetivo principal do Fundo consistirá na obtenção de renda a partir da locação dos Imóveis que comporão o seu patrimônio. A participação do Fundo nos Shopping Centers somente poderá se dar por meio da aquisição dos seguintes bens e direitos (“Ativos Imobiliários”): I. quaisquer direitos reais sobre bens imóveis; e II.ações ou cotas de sociedades cujo único propósito se enquadre entre as atividades permitidas ao Fundo. A GSB não está obrigada a (i) oferecer Ativos Imobiliários para que sejam adquiridos pelo Fundo, ou (ii)dar direito de preferência ao Fundo na aquisição dos Ativos Imobiliários que desenvolver ou pretender alienar a qualquer título a terceiros. POLÍTICA DE INVESTIMENTO Os recursos do Fundo serão aplicados pelo Administrador, conforme orientação do Gestor, observada a Política de Investimento abaixo descrita prioritariamente na aplicação dos recursos captados na aquisição de Ativos Imobiliários, de forma a proporcionar a seus Cotistas uma remuneração para o investimento realizado em razão da exploração comercial dos Shopping Centers que integrem a carteira de investimentos do Fundo.O Fundo poderá investir até 100% (cem por cento) de seu patrimônio em um único Ativo Imobiliário.O Fundo poderá, a critério do Gestor, adquirir Ativos Imobiliários gravados com ônus reais.O Fundo poderá adquirir Ativos Imobiliários sem quaisquer limites de concentração por região geográfica ou demográfica. O Administrador, independentemente de aprovação prévia da Assembleia Geral de Cotistas, poderá (i) mediante proposta previamente enviada pelo Gestor, adquirir ou alienar Ativos Imobiliários do patrimônio do Fundo; bem como mediante proposta prévia do Consultor Imobiliário, (ii) locar ou arrendar Ativos Imobiliários do patrimônio do Fundo; e (iii) votar favorável ou contrariamente à rescisão, renovação, cessão ou transferência a terceiros dos contratos celebrados com empresas responsáveis pela exploração comercial dos Shopping Centers que venham a integrar o patrimônio do Fundo. Quando o investimento do Fundo se der em projetos de construção, caberá ao Administrador, independentemente da contratação de terceiros especializados, exercer controle efetivo sobre o desenvolvimento do projeto. O Administrador pode adiantar quantias para projetos de construção, desde que tais recursos se destinem exclusivamente à aquisição do terreno, execução da obra ou lançamento comercial do empreendimento e sejam compatíveis com o seu cronograma físico-financeiro. As disponibilidades financeiras do Fundo que, temporariamente, não estejam aplicadas ou investidas em Ativos Imobiliários serão aplicadas pelo Gestor em Ativos de Renda Fixa, observado os termos e condições da legislação e regulamentação vigentes. Os Ativos de Renda Fixa que o Fundo poderá adquirir, em caso de disponibilidade financeira, devem corresponder a investimentos considerados de baixo risco de crédito, com liquidez diária, limitando-se a títulos públicos, ou fundos de investimento que invistam prioritariamente em títulos públicos, ou em certificados de depósito bancário de bancos que tenham rating em escala nacional pela Standard & Poors, Fitch Ratings ou Moody’s, equivalente a, no mínimo, “AA-”.Caso os investimentos do Fundo em valores mobiliários ultrapassem 50% (cinquenta por cento) de seu Patrimônio Líquido, deverão ser respeitados os limites de aplicação por emissor e por modalidade de ativos financeiros estabelecidos na Instrução CVM 409, observadas as exceções previstas no Parágrafo 6º do Artigo 45 da Instrução CVM nº 472/08. É dispensada a contratação do serviço de custódia para os ativos financeiros que representem até 5% (cinco por cento) do Patrimônio Líquido do Fundo, desde que tais ativos estejam admitidos à negociação em bolsa de valores ou mercado de balcão organizado ou registrados em sistema de registro ou de liquidação financeira autorizado pelo Banco Central do Brasil ou pela CVM. Caso o Fundo invista parcela superior a 5% (cinco por cento) de seu Patrimônio Líquido em valores mobiliários, o Administrador deverá firmar contrato de custódia, por meio do qual contratará, por conta e ordem do Fundo e observadas estritamente as obrigações previstas na regulamentação aplicável, o serviço de custódia de instituição financeira devidamente autorizada pela CVM. O objeto do Fundo e sua Política de Investimento somente poderão ser alterados por deliberação da Assembleia Geral de Cotistas, observadas as regras estabelecidas no Regulamento. Observado o disposto nas Convenções de Condomínio dos Shoppings Centers, a participação do Fundo em todas as Expansões dos Shopping Centers deverá ser aprovada pelos Cotistas em Assembleia Geral e será custeada via emissão de novas cotas do Fundo, na forma estabelecida no Regulamento. Nos termos do item 7.4 do Regulamento, na hipótese de novas emissões de cotas pelo Fundo, não será outorgado direito de preferência aos Cotistas na subscrição das novas Cotas. A performance dos investimentos do Fundo, conforme previstos no Regulamento, está sujeita aos riscos inerentes aos Ativos Imobiliários e à demanda por sua locação em uma eventual hipótese de vacância, bem como aos demais fatores de riscos indicados no Regulamento e no Prospecto. O Gestor, o Administrador e/ou o Consultor Imobiliário não poderão ser responsabilizados por eventuais variações na performance do Fundo decorrentes do risco de crédito dos locatários dos espaços comerciais dos Shopping Centers e/ou vacância dos espaços comerciais dos Shopping Centers. É vedada ao Fundo a realização de operações com derivativos, exceto quando tais operações forem realizadas exclusivamente para fins de proteção patrimonial, cuja exposição seja sempre igual a, no máximo, o valor do Patrimônio Líquido. Para maiores informações sobre a estratégia de investimento do Fundo, consultar a seção “ESTRATÉGIA DE INVESTIMENTO”, constante da página 56 do Prospecto.

Dividendos do FIGS11

Proventos Último 3 meses 6 meses 12 meses Desde o IPO
Retorno por cota R$ 0,1300 R$ 0,5429 R$ 2,3250 R$ 7,3250 R$ 58,8783
Em relação ao valor de cota atual 0,20% 0,82% 3,50% 11,02% 88,54%

Simulação do FIGS11

  • Seta para cima
    Aplicação em 12 meses 50.000,00
  • Seta para baixo
    Montante final na poupança R$ 52.282,40
  • Seta para cima
    Montante final no fundo FIGS11 R$ 63.508,20
  • Seta para cima
    Rendimentos (isento de IR) no fundo FIGS11 R$ 5.486,22
  • Seta para cima
    Valorização patrimonial no fundo FIGS11 R$ 58.021,98
  • Seta para cima
    FIGS11 x Poupança 491,84%

Valor Patrimonial do FIGS11

Ativos do FundoFIGS11

Área Bruta Locável por Estado
2 ativos 1 estados
Localização dos ativos
Parque Shopping Maia
  • Endereço: Av. Bartolomeu de Carlos, 230
  • Bairro: Jardim Flor da Montanha
  • Cidade: Guarulhos - SP
  • Área Bruta Locável: 31.711,00 m2
Shopping Bonsucesso
  • Endereço: Estr. Juscelino Kubtischek de Oliveira, 5308
  • Bairro: Jd.Albertina
  • Cidade: Guarulhos - SP
  • Área Bruta Locável: 24.293,00 m2

Vacância do FIGS11

Discussão do FIGS11